Histórico. A DIP é uma dinâmica que completa 11 anos de existência (Data-base: 2017), contando com o seguinte histórico:

  • Foi constituída a Dinâmica Interassistencial Holossomática (DIH), sob a coordenação do professor e epicon Hernande Leite, funcio­nando às sextas-feiras, no Salão das Dinâmicas, no Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC)aos moldes das dinâmicas já existentes, criadas pelo epicon Moacir Gonçalves, porém com o diferencial de iniciar desde o 1º dia com pesquisas das parapercepções e Escala de Treinamento Interassistencial.
  • Após 40 semanas de análise dos relatos parapsíquicos vivenciados pelos participantes da DIH, os pesquisadores identificaram como materpensene da atividade assistencial a Paracirurgia. Neste pe­ríodo, o epicon Hernande Leite vivenciou projeção lúcida com assistência em Parambulatórios, os quais estavam vinculados aos trabalhos da DIH. Os amparadores promoveram a lembrança de uma outra vivência projetiva lúcida, com contexto de paracirurgia, ocorrida em julho de 1995, onde o informaram que trabalharia com esta técnica, em futuro próximo. A partir desta recordação e corroboração dos parafatos, a dinâmica passou a se denominar Dinâmica Interassistencial de Paracirurgia (DIP).
  • É lançada a Rede Interassistencial de Cirurgia Invisível a distância, cujo detalhamento encontra-se publicado na Revista Conscientia; Vol.14; N.2; abr. / jun. 2010; p. 211 a 219. A partir desta publicação, a DIP recebeu diversos voluntários assistentes a distância e cresceram as solicitações de assistência em âmbito nacional e internacional.
  • Após os resultados de algumas pesquisas exploratórias e da publi­cação de 4 verbetes relacionados ao tema Paracirurgia, o professor Waldo Vieira sugeriu a criação de uma IC especializada em Ectoplasmia e Para­cirurgia.
  • Em 14 de julho de 2013 foi fundada a Associação Internacional de Pesquisa Laboratorial em Ectoplasmia e Paracirurgia (ECTOLAB), instituição não governamental, universalista, sem fins lucrativos dedicada à reeducação em Parapesquisologia Interassistencial e à Pesquisa em Ectoplasmia e Paracirurgia. A DIP passou a integrar o portfólio de eventos da nova IC.

Transcrição. A definição do que é uma dinâmica parapsíquica foi transcrita, do verbete Dinâmicas Parapsíquicas, escrito pelo epicon Moacir Gonçalves, e publicado na Enciclopédia da Conscienciologia, em 2012.

Definologia. Dinâmica Parapsíquica é a atividade grupal realizada em horário e local, fixos, semanalmente, objetivando o desenvolvimento do parapsiquismo lúcido, do epicentrismo consciencial, do auto e heterodesassédio, da hiper-acuidade consciencial e da interassistencialidade multidimensional teática, mediante aplicação de técnicas bioenergéticas, sob a responsabilidade do epicon.

Paracirurgia. Visando melhor compreender o materpensene da DIP, transcrevemos também a definição do verbete Paracirurgia, escrito pelo epicon Hernande Leite e publicado na Enciclopédia da Conscienciologia, em 2011.

Definologia. paracirurgia é a intervenção energética ectoplásmica intensa, insinuante, intromissa, invasiva, impregnante, incruenta e indolor promovida por amparadores técnicos, aplicada a conscins e consciexes, em nível psicossomático, com a finalidade de promover desbloqueios energéticos profundos, pararreparações parafisiológicas ou adequar a Paragenética às exigências proéxicas da próxima existência intrafísica.

DINÂMICA INTERASSISTENCIAL DE PARACIRURGIA (DIP)

Definição. Dinâmica Interassistencial de Paracirurgia (DIP) é a atividade assistencial, semanal, que visa a recomposição holossomática das consciências assistidas, através da instalação de campo bioenergético, cujo materpensene é a cirurgia invisível.

Objetivos. A DIP apresenta os seguintes objetivos:

  1. Oportunizar às conscins participantes a atuação na condição de minipeças dentro do Maximecanismo Multidimensional Interassistencial, mediante a doação de ectoplasma para a realização de paracirurgias.
  2. Ampliar as parapercepções pessoais como decorrência natural do processo da assistência multidimensional.
  3. Incentivar a autocrítica paraperceptiva dos participantes através dos registros realizados durante os experimentos e posterior debate.
  4. Contribuir para o desenvolvimento de metodologias pesquisísticas específicas nas especialidades Ectoplasmia e Paracirurgia.

Local:

Pólo Conscienciocêntrico Discernimentum

Av. Felipe Wandscheer, 6200 – Foz do Iguaçu – Paraná – Brasil

Todas as sextas-feiras das 18h30 às 22h00 (horário de Brasília)

Telefone: + 55 (45) 2102 1427 | 9101 1407

Participantes de 1˚ vez deverão chegar preferencialmente às 18h15 para orientações.

Trazer roupas confortáveis, quentes e claras, se possível, além de coberta e travesseiro.

Dados estatísticos:

Atualmente (data base 09.06.2017) foram realizados 470 atividade de Campos Paracirúrgicos, todos registrados, catálogados e arquivados.

Média de 25 participantes por dinâmica.

Mais de 140.000 relatórios analisados.

Instrumento Técnico: Das pesquisas realizadas, a equipe da ECTOLAB produziu o instrumento técnico com a finalidade de identificar, aferir, analisar e quantificar os fenômenos paraperceptivos ocorridos em campo bioenergético, após levantamento minucioso dos registros das parapercepções, em planilhas não indutivas, chamado de Parapercepciograma.

DADOS ESTATÍSTICOS DOS PEDIDOS DE PARACIRURGIA

Pedidos de Paracirurgia registrados (21 de agosto de 2013 à 09 de junho de 2017)

17.190 pedidos de Paracirurgia.

Estados do Brasil com maior número de solicitações em Pedidos de Paracirurgias:

  • São Paulo
  • Rio Grande do Sul
  • Santa Catarina
  • Paraná

Países com maior número de solicitações  em Pedidos de Paracirurgias:

  • Alemanha
  • Argentina
  • Espanha
  • Estados Unidos
  • Itália
  • Portugal
  • Suiça

Novo endereço da Dinâmica – Assista o vídeo: